Entre com seu E-Mail:

Cadastre seu E-mail e receba gratuitamente as últimas notícias Contábeis e Jurídicas do ContJus - FeedBurner

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Expressão Nacional analisa a contribuição de Getúlio Vargas aos direitos trabalhistas e ao sindicalismo

Getúlio Vargas assumiu o poder em 1930, após comandar uma Revolução que derrubou o governo de Washington Luís. Seus quinze anos de governo seguintes, caracterizaram-se pelo nacionalismo e populismo. Vargas criou a Justiça do Trabalho, instituiu o salário mínimo, a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), carteira profissional, semana de trabalho de 48 horas e as férias remuneradas. Muitos desses direitos só são praticados no Brasil.
No próximo dia 24, faz 60 anos que Getúlio se suicidou e para lembrar essa data, o Expressão Nacional que saber se esses direitos e o modelo sindicalismo ainda fazem sentido no Brasil de 2014.
Carteira de Trabalho
O Expressão Nacional, apresentado por Maristela Sant’Ana, é exibido ao vivo na TV, na Rádio Câmara e também pela internet no www.camara.leg.br/tv às 21h30 das terças-feiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares